ALUNOS DAS ESCOLAS MUNICIPAIS DE JAGUARIÚNA ACOMPANHAM APRESENTAÇÃO DO ESPETÁCULO “FAMÍLIA ADAMS”

Cultura e Educação. Essa é a combinação perfeita para a construção de um futuro melhor. Alguém dúvida disso?

Na manhã dessa quarta-feira, 03 de outubro, alunos e professores das escolas municipais de Jaguariúna puderam acompanhar a apresentação do espetáculo “Família Adams”, no Teatro Municipal.

Com elenco formado por cerca de 900 pessoas – adolescentes, adultos e idosos – divididos em três participações, o espetáculo é totalmente produzido pelos alunos da Escola das Artes e leva ao palco uma superprodução.

Conforme a Secretaria de Turismo e Cultura de Jaguariúna (SETUC), o objetivo dessa integração entre Escola das Artes e as Escolas Municipais, é apresentar esse “mundo fascinante” para os jovens que ainda não conhecem, e acima de tudo, oferecer oportunidades através da arte e da cultura.

O público em geral, também pode acompanhar as apresentações. Hoje (3) e nos dias 4 e 5 de outubro, as apresentações acontecem às 19h30. Já no dia 6 de outubro (sábado), o espetáculo será realizado em duas sessões, às 15h e às 19h.

Importante: Em todas as datas, os ingressos são distribuídos com uma hora de antecedência, mediante a doação de 1 litro de leite. A arrecadação beneficia o Fundo Social de Solidariedade de Jaguariúna, presidido por Flora Reis.

O Teatro Municipal tem capacidade para 350 pessoas, sendo que a cada apresentação são reservados 150 ingressos aos pais dos alunos que atuam no espetáculo. A distribuição dessa cota é feita pelos núcleos da Escola das Artes.

Enredo

Todo mundo faz parte de uma família, que geralmente é formada por pai, mãe, filhos, avós, tios e, em muitos casos, os agregados. Agora imagine visitar uma família excêntrica, que vai ao cemitério para fazer sua reunião anual, evocando ali seus ancestrais para que saiam de seus túmulos.

No meio de tudo isso, uma família “normal” acaba sendo convidada para um jantar na mansão dos Adams, no Central Park. Só que Vandinha, a filha dos anfitriões, quebra o protocolo e resolve namorar um jovem comum, de uma família comum. É aí que começa a confusão…

Reportagem: Raphael Luna – Foto: Samuel Oliveira

 

 

Redacao

Eu posso resistir a tudo, menos à tentação! As pessoas normais me assustam! "Cria Cuervos Y Te Sacarán Los Ojos!" Contato: redacao@culturasemfrescura.com.br